domingo, 18 de julho de 2010

o morcego


O morcego
Quando falamos sobre morcegos as pessoas lembram logo de vampiros coisa e tal. Mas nesta postagem vou falar de quanto os morcegos são seres incríveis, sendo o único mamífero a voar. O morcego pertence a ordem quiróptera e família vespertilionideos. Quando falamos sobre morcegos achamos tudo a mesma coisa, mas não é: existem quase mil espécies já catalogadas de morcegos, são 925 espécies diferentes de morcego. E ao contrario de que todos achavam, nenhuma dessas 925 espécies de morcego é cega ou vampiro, afinal, existem só três especie de morcegos vampiros, grandes morcegos que se alimentam de frutas tem uma ótima visão. A raposa voadora é a maior espécie de morcego, elas vivem em bandos e se alimentam de frutas, e com a chegada do crepúsculo, o enorme bando com milhares de indivíduos saem para se alimentar a noite. Existem morcegos que se alimentam de frutas, outros que pescam mas a maioria mesmo se alimenta de insetos. Alguns truques dos morcegos para se alimentar de aranhas na teia é segurar a aranha e recuar imediatamente, evitando que as suas asas se enrosquem na teia. Os morcegos são encontrados no mundo todo e muitos vivem em cavernas e saem a noite ou no crepúsculo para comer insetos. Mas os gaviões são um perigo para eles pois são seus predadores. Os gaviões atacam aqueles que se soltam do grupo, aqueles que estão dentro estão a salvo mas sempre tem um que se solta. Os morcegos formam uma espécie de anel e começam a girar afim de deixar o gavião confuso. Depois eles voltam a caverna. Mas em uma caverna os morcegos fizeram uma montanha de cem metros de guano, fezes de morcegos. Nele se encontrão milhões de baratas, um verdadeiro tapete deles. Quiróptero significa asas de mão, que os transforma no único mamífero a voar. Cientistas tem uma teoria para seu surgimento: Alguma espécie capaz de planar, como o colugo, tinha membranas entre os dedos, ao decorrer de milhões de anos tais membranas foram se esticando até formar asas. Nos dias de hoje só existem três classes de animais que conseguem voar:artrópodes, aves e mamíferos sendo que os pterodactilos voadores, já foram extintos, então répteis não entra aqui. As femêas morcegos atingem sua maturidade sexual no primeiro ano de vida enquanto aos machos atingem aos dois anos de vida. Após alguns voos de cortejo, eles se acasalam, mas se a cópula não ocorre no momento adequado para a gestação, a fêmea consegue retardar a fertilização do óvulo durante muito tempo. Normalmente gémeos, os filhotes nascem no inicio do verão já conseguem voar com três ou quatro semanas, se alimentando de mosquitos, traças, e outros insetos pequenos que eles detectam pela famosa ecolocalização ou bisonar. Nesse sentido, trazem benefícios para o ser humano, mas infelizmente não é bom ter morcegos em casa pois eles podem transmitir raiva, doença que ainda não a cura e poucas pessoas sobrevivem a esta doença.



Anatomia de um mamífero que voa
A capacidade de voar levou a um sucesso na história da vida, diversificando assim morcegos por todo o globo excluindo a Antartica e o Polo norte. Os morcegos tem ossos parecidos com os de humanos mas foram modificados para ter a capacidade de voar, seus ossos do braço são o mais parecido com os de um humano, mas revestida com uma membrana chamada de patágio que lhe da a capacidade de voar, muito vascularizada que vai do pescoço a as garras traseiras tem uma camada muscular intermediaria que lhe permite abrir a asa e estende-la durante o voo, alem de dobra-la quando esta de repouso. O braço (úmero) do morcego, diferentemente do humano, é mais curto que o antebraço. Quanto aos osso do antebraço, o rádio é alongado, e o cúbito, ou também chamado de ulna é bastante reduzido, os ossos da mão são bastante compridos com exceção do polegar, que é o único dedo das extremidades que possui garra. O terceiro dedo é o mais longo, e marca a extremidade da asa; já o quarto e o quinto dedo são compridos para sustentar o patagio. As escapulas são robustas para dar suporte aos potentes músculos do voo; estes podem constituir até 12% do peso corporal do morcego, e as extremidades inferiores são curtas e geralmente frágeis. Existe outra diferença do ser humano ao morcego, o joelho, diferentemente do ser humano, dobram para trás, entre as duas patas e a cauda, que é mais ou menos longa, existe uma membrana de pele parecida com a das asas, denominada de ulropatagio, esta membrana é a que cobre e esconde a cauda e possui a função de ajudar nas manobras de voo. Para termina esta revisão sobre a anatomia do morcego, o calcaneo, que é o osso que forma o calcanhar no ser humano, é comprido em forma de espinha, e serve para sustentar o uropatágio. Existe três classes que adquiriram ou adquiri o voo nos vertebrados, os répteis com os pterossauros, aves e mamíferos que são os morcegos, os únicos mamíferos voadores.
o morcego:Trocando olhos pelos ouvidos
Uma das grandes adaptações feitas na natureza sobre os morcegos é a capacidade de voar nos céus noturnos. Nenhum outro vertebrado é capaz de voar durante a noite, mas eles tem um truque: a ecolocalização. Por voarem em ambientes totalmente escuros sua visão não foi muito utilizada embora eles também não sejam cegos, mas sua audição é incrível. Durante séculos a pergunta que se ouvia era como morcegos eram capazes de voar em total escuridão, mas ela foi respondida por Lazzaro Spanllanzani, demonstrou que os morcegos que tinham as orelhas tapadas se trombavam em objetos, mas o que ele cegava não se trombava em objetos, eles voavam normalmente. Mas, no entanto ele achava que os morcegos eram incapazes de emitir sons, mas tudo mudou no final da década de 1930, foram fabricados os primeiros microfones capazes de captar ultrassons e o mistério então foi desvendado: os morcegos se orientam pelo sons captados pelo ouvido humano. Este sistema de orientação se chama de ecolocalização ou bisonar. Diferentemente das aves, os morcegos descansam dependurados em galhos de árvores, teto de cavernas e etc. Esta é uma das caracteristicas que chamam mais a atenção dos morcegos. Uma das principais razões deles dormirem assim tem a ver com a adaptação para o voo e centro de gravidade: para conseguir um voo horizontal e estável , os morcegos reduzirão a cintura pélvica e as extremidades posteriores, deslocando o centro de gravidade em direção ao tórax. Morcegos são caçados, em uma parte do mundo por uma espécie de centopeia gigante que se pendura no teto de uma caverna e espera um passar perto dele para dar o bote, assim como algumas espécies de cobras.
Ordem quiroptera:espécies de morcegos
Morcego mexicano:
Este incrível morcego possui uma enorme lingua e se alimenta de nectar e do polen das flores do agave (ou sisal) e dos cactus gigantes dos desertos norte do México e do sul dos Estados Unidos. É uma espécie nomade que se deloca dependendo da floração de certo lugar ou area. Sua lingua é quase tão comprida quanto o proprio corpo, eles não conseguem ficar parados no ar então tem que voar constantemente ao sugar o néctar.

Morcego branco:
De acordo com o que você pode ver na imagem acima, da pra perceber que este animal se caracteriza pela sua pelagem branca. É de tamanho pequeno, entre 37 a 47 mm, o resto do corpo, focinho, parte da pata, orelha, são amarelados.
Morcego pescador:
É uma das duas espécies que se alimentam de peixes, o nome é proprimente dito como pescador. É bem provavel que sua adaptação a esta dieta tenha evoluido a partir de espécies que capturavam os insetos que sobrevoavam a água dos rios e lagos. Vivem desde o Mexico até o sul do Brasil
Transmissores de raiva
Se existe um perigo nos morcegos que devemos evitar é a raiva. Esta é uma doença incuravel facilmente transmitida para um humano, e um transmissor famoso é o morcego. A maioria é causada atraves de mordidas de morcegos ou pelas suas fezes:o guano. Existem mudanças no comportamento do morcego que pode significar raiva: atividade alimentar diurna, hiperexcitabilidade, agressividade, tremores, falta de coordenação dos movimentos, contrações musculares seguida de paralisia e orbito. Os principais morcegos transmissores de raiva são os morcegos vampiros que atacam as pessoas enquanto dormem e ao chupar o sangue transmite a raiva. você pode, sim, evitar ser atacado pelos morcegos colocando um mosquiteiro na sua cama, embora os ataques sejam raros é melhor evitar. Suas fezes podem conter fungos e bactérias que podem causar uma doença chamada histoplasmose, que pode afetar os orgãos internos. Caso ache um morcego em sua residencia e não se puder excluir a possibilidade de exposição, o morcego deve ser capturado e transportado imediatamente ao centro local de controle a zoonose para ser observado, sem contar que isso também se aplica se o morcego for encontrado já morto. Acima a uma foto de um morcego vampiro aqui no Brasil na fazenda cachim. Se tiver qualquer outra duvida sobre riscos e prevenções contra morcegos vampiros é só deixar um comentário ou entrar em contato acima.
Tudo o que você deve e queria saber sobre os morcegos
Agora todos aqueles mitos lendas e prevenções vão se desvendados agora, tudo abaixo sobre tudo o que você queria (e deve) saber sobre morcegos:
É verdade que todo mocego é cego?
Não. Mesmo tendo uma pessima visão eles enxergam perfeitamente, mas usam mais os ouvidos para se orientar durante a noite e usando a ecolocalização
O que eu devo fazer se ver um morcego entrando na minha casa?
Apague a luz do local onde o morcego estiver e abra bem as janelas do comôdo onde o mocego estiver que ele tentara fugir sem maiores problemas.
o que eu devo fazer para morcegos não entrarem em minha casa?
Começa evitando colocar frutos nas janelas ou proximos a elas que atraem muitos morcegos comedores de frutas. Também retire os bebedouros de beija flores a noite das janelas que atraem morcegos. Deixe as cortinas fechadas.
Bebedouros para aves atraem morcegos?
Sim. Mas não se preocupe pois os morcegos que são atraidos pelos bebedouro não são vampiros, mas sim polonizadores que sugam o néctar, para evita-los é só retira-los, mas se você quer ver um, deixe ele no local.
O que devo fazer se encontrar um morcego caido no chão perto de minha casa ou na minha casa?
Primeiro de tudo é bom se certificar que o animal está realmente morto, em seguida, envolva-o em um saco plastico, coloque-o num recipiente com gelo e leve-o o mais rapido possivel para o orgão resposanvel pelo controle de raiva na sua cidade. Se não puder levar no memo dia envolva-o com papel aluminho ou filme plástico, e mantenha-o no freezer. Caso ele esteja vivo nunca tente pega-lo com a mão.
Como exterminar morcegos?
Os morcegos são animais protegidos por lei por ser animais silvestres. A matança, captura ou manuntenção em cativeiro sem autorização é crime.
se um morcego me morder, o que devo fazer?
Procure imediatamente o posto de sáude mais proximo de sua casa para receber tratamento adequado. Como já vimos acima ele pode transmitir raiva, que é uma doença incuravel.
Os raros morcegos vampiros
O morcego vampiro é uma das três unicas espécies de morcegos vampiros no mundo. Altamente especializado, seus dentes, e sua lingua e modo de locomoção são adaptados ao seu habito alimentar. Você deve achar que o morcego chega na pessoa ou animal e faz dois furinhos para sugar o sangue da pessoa mas não é bem assim. Os morcegos vampiros possui dois incicivos e caninos, ele faz um pequeno corte na pele da vitima e como se utiliza-se uma lamina de barbear. Sua lingua possui saliencias laterais que se contraem e expandem quando ele está se alimentando, e a sua saliva contem um poderoso anticoagulante. Ele se caracteriza por um focinho curto, orelhas pontudas, e pelagem marrom acizentada nas partes superiores do corpo e mais clara na barriga. Não possui cauda e suas asas tem entre trinta e cinco a quarenta centimetros de envergadura. Normalmente as fêmeas são maiores que os machos. Eles tem um comprimento de sete a nove centimetros de comprimento e pesam de vinte e seis a quarenta e duas gramas. Normalmente vivem e caçam em grupo. Eles também foram adaptados a conviver no chão e é ágil, sendo capaz de andar, correr, saltitar, andar no chão, coisa que outros morcegos não são capazes de fazer. Essa habilidade é estreitamente ligada á obtenção de alimento do animal.
video

Os morcegos se instalam não somente em cavernas, mas em casas, acima a um video de morcegos pendurados dormindo durante o dia, para que na noite ele va caçar insetos ou comer frutos.

3 comentários:

Eduardo disse...

olá muito boa postagem,sou dono sou site TV Selvagem
http://tvselvagem.blogspot.com
gostaria de fazer parceria com seu blog,caso se interesse comunique através do nosso e-mail tvselvagem@hotmail.com ou deixe-nos uma mensagem no blog

Anna Lucia Lobo disse...

O meu bebedouro de beija flor esta atraindo muitos morcegos, o que posso fazer para afastalos?

Carlos disse...

Achei um morcego a pouco no chão e vivo logo de manhã cedo. De imediato peguei sem luva, sem nada. Tudo que queria é ajudar. Vi que é errado fazer isso. Mas também não quero deixa-lo. Quero ajudar. Imaginei que ele não conseguiu voar por ser de dia. Agora não sei o que fazer além de pesquisar e achar uma solução para o bem-estar do morcego.HEEELP, PLEASE!

postagens mais lidas

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails