sábado, 5 de março de 2011

serie 7 bilhões: como chegamos aqui?


TUDO COMEÇOU em um ato de coincidência, obra do destino. O ser humano é o animal mais inteligente da Terra, construiu abrigos contra o frio, chuva, criou armas para proteger de animais carnívoro que queriam saciar a sua fome com sua carne, tem o poder do fogo, e a capacidade de gerar luz. Um animal super desenvolvido como estes talvez não tem conseqüências, nenhum erro ou problema. Mas o ser humano é o animal com maior número de doenças e afetado freqüentemente por ela. Não é só doença: sua inteligência trouxe péssimas conseqüências para a natureza, a devastação total de mares e florestas. Sem o controle a humanidade vai virar um caos. O que devemos fazer se nossa população aumenta e nós temos que explorar cada vez mais recursos naturais, danificando-a. A resposta é: colaborando com o meio ambiente. Mas como chegamos aqui, a ponto de devastar nossa própria natureza?
Na imagem acima, o missing link found, o elo perdido achado. Ainda não sabemos se ele mesmo nosso parente, ou parente de lemures, o fóssil foi achado na Alemanha, e recebeu o nome de Ida. Poderia ser o começo de uma longa história. Nossa história da evolução inclui parentes próximos nosso, como o neandertal, mas não faz parte da nossa linhagem de ancestrais, e nem sabemos o seu fim. nossos parentes enfrentaram uma seca brutal, a maioria dos homo sapiens foram dizimadas. Mas alguns resistiram. Armazenando água e comida, desenvolvendo estratégias para a sobrevivência de sua espécie. o homo sapiens se espalhou por todos os continentes, com exceção da Antartica, e reinou o mundo. Aramos muito simples, com lanças na mão para caçar e pescar, e pedras para fazer as tais lanças, nós tínhamos uma cultura diferente do que as de hoje. Na Austrália a indícios de um enterro feito, apos a morte de participante de um grupo. Seu corpo foi sepultado em uma cova rasa, e acima dele foi jogado ocre vermelho. O seu corpo foi achado a beira de um lago a quarenta mil anos atras.

A 75 mil anos atrás, na África do Sul, alguns de nossos parentes já começavam demonstrar interesse a arte. Retratavam o que via fora da caverna de onde viviam, animais da savana africana como girafas e gnus. Faziam colares e pedras para fazer outras ferramentas. A 14,5 mil anos atras eles faziam roupas e construíam tendas com madeira e peles de animais. Já praticavam a agricultura. No Chile, por exemplo, cultivavam ilhamas para extrair sua pele depois para fazer mais roupas. No Novo México, nos EUA, eles criavam bisões para serem abatidos com suas primitivas lanças, já na Nova Zelândia a história era outra. Eram tendas mais sofisticadas, uma vida melhor. Nós não sabemos quando isso aconteceu, mas o maior passo foi a invenção da língua. Seguida dos números. Foi um grande avanço, que nos permitiu a chegar onde agora nós estamos. Mas com o avanço, veio tragédias, afinal, nem tudo se dá tão bem quanto se imagina.

Próximo capitulo: conseqüências do novo mundo

Nenhum comentário:

postagens mais lidas

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails