domingo, 13 de novembro de 2011

Besouro Terrestre roxo

 Essa é uma curiosa espécie de besouro, que chega a 3 cm de comprimento. Vivendo a até 2 anos de idade, ela se localiza na Europa, Grã - bretanha, sul da Rússia, oeste da Sibéria e em todo o Japão. Ela não vive no Brasil. Pode ser encontradas em altas latitudes e áreas urbanas, é uma espécie forte, e com mandíbulas dilacerantes. Vive, geralmente, em terrenos cobertos de madeira. Suas mandíbulas são tão fortes que poderiam atravessar carne humana com facilidade, e possui músculos fortes para sustentar essas pesadas mandíbulas. Sua alimentação é carnívora, se alimentando até de minhocas, as quais poderia facilmente partir ao meio, usando suas poderosas mandíbulas. Fica atento a qualquer movimento e odor de animal que sentir, fazendo ataques surpresas a suas infelizes vítimas. Caça suculentos caramujos, lesmas, insetos pequenos e outros vermes. Sua mandíbula poderia transformar suas vítimas em mingau. Apesar de ser um excelente caçador, é comum observar algumas besouros dessa espécie roubando carne em estado de putrefação, mordiscando cogumelos e outros tipos de fungos. O que temos que aprender é que, não importa o quão bom seja o predador, ele nunca vai perder a oportunidade de mordiscar algum animal já morto. Além disso, o besouro possui também um tufo de pelos que o ajuda a se localizar no escuro. Besouros terrestres machos brigam durante a época de acasalamento quando se depara um com o outro. Mordendo o oponente com a mandíbula, até que esse mesmo oponente desista e fuja. Depois de se acasalar, a fêmea põe os seus ovos no chão, onde ficam expostos. Estes besouros do gênero Carabus quando se sentem ameaçados, a maioria deles produz uma substância malcheirosa a partir de glândulas especiais, nomeadas pigidiais. Caso você pegue um em uma floresta e o segure por alguns instantes, o cheiro pode permanecer horas em sua mão.  

Nome cíentifico: Carabus violaceus 
Tempo de vida: 2 anos 
tamanho: 2 a 3 centímetros 
Alimentação: caramujos, lesmas, vermes, minhocas e alguns pequenos insetos. 
reprodução: sexuada

Nenhum comentário:

postagens mais lidas

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails